Relatos da Fertilização in Vitro - Parte II

Bom, iniciamos então as injeções diárias e ultrassonografias para avaliar os óvulos e talz. Não sei se vocês sabem, mas após pagar a FIV completa, vc ainda corre o risco de não realizá-la. Eu, na minha ignorância, antes de tentar engravidar, achava que pagando, a gravidez era certa. Isso não existe. E pior, mesmo pagando, vc corre o risco de não conseguir realizar o tratamento. Em todas as etapas, há circunstâncias que podem interromper a fiv. A mulher pode não produzir óvulos ou produzir óvulos demais. Pode ter muitos folículos e nenhum óvulo. E depois, se conseguir os óvulos, ainda corre o risco de não ter embriões. E daí, vai depender de cada clínica o valor que vc pagará nessas situações. No meu caso, era uma porcentagem cada vez que o tratamento avançava, de modo que se eu chegasse até a coleta de óvulos e não tivesse embriões, o valor era integral. Enfim, isso varia, e a clínica sempre informa essas questões, uma vez que fazem parte do contrato que o casal assina.
No primeiro dia, durante a aulinha sobre as injeções, a assistente disse: "Hoje, você está grávida". Pois deveria ser esse o meu pensamento a partir daquele dia, uma vez que deveria ter uma dieta equilibrada, nada de café, chocolate ou bebida alcoolica, nada de exercícios físicos e carregar pesos. Ou seja, não é só pagar messsssmo! Se você tem esse pensamento, repense! O tratamento é muito mais do que passar o cartão ou assinar algumas folhas de cheque.
A cada consulta, eu ficava com o coração na mão, pensando se tinha óvulos, se não tinha muitos óvulos...e essa aflição não acaba. Eu diria que é uma aflição diária em doses "homeopáticas pra cavalo". Mas, cada vitória era comemorada.
Sobre os efeitos das medicações, eles sãos chatinhos mesmo, dores de cabeça, cansaço e enjoo. Foram somente esses que senti, mas sei que algumas mulheres reclamam de inchaço e referem engordar. Acho que isso não aconteceu comigo por causa dos enjoos, inclusive, eu mal conseguia comer nos primeiros 10 dias de injeções, na verdade até a coleta de óvulos. Ah! Foram somente 10 dias de injeções e nos últimos 3, duas injeções por dia. Meu ciclo sempre foi curto e os médicos brincaram que eu era apressadinha...o tratamento começou dia 10/09 e no dia 21 realizamos a coleta de óvulos.
Para esse procedimento, fui orientada a manter 8h de jejum e tomar a injeção para ovular 36h antes, confesso que nesse intervalo, mal conseguia sentar, pois meus ovários estavam enormes, por causa dos óvulos.
Fomos para a clínica, marido e eu, já que nesse dia a presença do homem é indispensável (para a coleta do esperma), como se fosse dispensável nos outros dias, né? Nãaaaao! Marido do lado é tudo nessa vida! O homem tem que participar, senão o casal pira!
Para a coleta, é realizado uma sedação profunda pelo anestesista e você dorme. Só acordei no quarto e foi o momento mais emocionante para mim. Nem acreditava. Assim que o Léo entrou no quarto comecei a chorar...



20130104-224203.jpg

O médico nos disse que tinha conseguido coletar 9 óvulos e desses, 7 estavam "bons", não sei como explicar isso direito.
Fiquei feliz, achei um número bom, já que desejávamos 6 embriões, para uma próxima fiv, se fosse necessário.



20130104-224352.jpg

Voltei para casa e descansei. Lembro de ter acordado com um apetite enorme! Os enjoos haviam passado, estava me sentindo ótima. No dia seguinte, pela manhã, a clínica nos ligou para dar notícias dos embriões. Infelizmente, somente dois óvulos haviam fecundado e evoluido e outros dois poderiam evoluir. Ou seja, tinhamos dois e talvez mais esses dois. No dia seguinte, outra ligação e a notícia doída: tinhamos somente dois embriões, e estes estavam evoluindo lentamente...meu mundo desabou! Fiquei muito triste e com medo. Primeiro, de perder esses dois e segundo porque se essa tentativa não desse certo, teria que passar por todo o processo novamente e não teria dinheiro para mais uma tentativa tão cedo. Passou um filme na minha cabeça. Lembro de ter desligado o telefone chorando e olhado pro Leo. Depois de contar as exatas palavras da embriologista, tentando encontrar algo que me desse esperança, nos abraçamos e o Leo disse: "Só precisamos de dois, Deus nos deu na medida certa". E apesar dele também ter ficado triste e preocupado, me passou confiança e comecei a pensar nesses dois. Tudo o que precisávamos.

Como o desenvolvimento deles estava lento, decidiram realizar a transferência logo, 3 dias após a coleta. Ao chegarmos na clínica, estávamos uma pilha e ansiosos para saber como os embriões tinham passado. A embriologista veio no quarto e trouxe a foto deles. Me explicou que apesar de estarem com o desenvolvimento lento, eram embriões de qualidade, e que isso poderia ser o tempo normal dos "nossos" embriões. Eles estavam com apenas 4 células, sendo que normalmente estariam com 6 ou 8.



20130104-224306.jpg

Não vou negar que senti medo...senti e muito. Mas em nenhum momento deixei de acreditar e pensar coisas boas.

Para a transferência de embriões não é necessário jejum, somente estar com a bexiga cheia. O procedimento é simples e mágico. É como se fosse um papanicolau e um exame de ultrassom. O médico coloca o espéculo e através dele uma sonda, por onde passarão os embriões. Você vê todo o procedimento pela tela do ultrassom.

Depois, fiquei uns 15 minutos deitada e fui liberada para fazer xixi e vir para casa. Com uma receita médica enorme e algumas recomendações: repouso absoluto por 24h (eu fiz 3 dias de repouso) e depois vida normal (ah ta!), não nadar e não tomar banho de banheira, abstinência sexual, não pegar peso.

Bom, eu segui tudo a risca e ainda estiquei o repouso...não sai da cama por 3 dias e até sair o resultado do beta, não dirigi e não fiz faxina (eba!).

Até a coleta do beta foram 12 longos dias. E essa fase foi muito bem chamada, pela minha amiga Keyla, de fase Blá. O limbo.

E depois eu volto pra falar dela!

Bjs,
Van;)

14 comentários:

  1. Que momento mágico sua vida está passando querida!!!
    Aqui em casa tivemos vários problemas para engravidar, porém foi naturalmente, mas passei por todo o processo para fazer a FIV e sei muito bem como é!
    Estou muito feliz por vc!!
    E continuarei acompanhando cada post seu para saber notícias e fico ansiosa quando não tem novidades rsrs!!
    Bj

    ResponderExcluir
  2. Oie! Que bom que não precisou da FIV, é realmente muito difícil! Mas é como a gravidez, mesmo sendo difícil vale à pena, né? A recompensa vem no final! Estou muito feliz por realizar esse sonho e mesmo com as dificuldades que tem surgido na minha gravidez, sou muito grata por estar vivendo tudo isso! Obrigada! Vou tentar voltar com mais frequência! Kkkkkkkk. Bjs, Van ;)

    ResponderExcluir
  3. oiii, nossa quanta coisa!!! sabe que eu sinto meu ovario certinho quando ovulo? a bolinha fica dura (geralmente eh o da direita), e doi tambem, como voce disse, imagino com 9 ovulos!!! e implantaram os 2 embrioes ou vao deixar o outro pro futuro (talvez voce va contar na continuacao, ne?). falando em precos, uma amiga fez fiv em campinas, custou no total R$15m. achei que era bem mais! ela teve trigemeos! Paz e bem! mostre as coisinhas que Davi ganhou ja!

    ResponderExcluir
  4. Queridona, que lindo tudo isso que vc está vivendo e o melhor de tudo é relatar agora, pq juro por Deus, qdo o nenem chega e tudo passa, vcs esquecem ...
    Tive uma amiga que teve síndrome do tunél do carpo, que deixa a ponta dos dedos dormente, e pasme, ela não lembra !!!!
    Lembro exatamente dela me falando o que sentia, que ia no médico e depois o diagnóstico (de onde eu tiraria esse nome ?) e ela outro dia me falou: deve ter sido com outra amiga !!!! Q loucura !!! kkkk
    Mas enfim ... Tenho um milhão de perguntas pra vc, não me xingue !!!!

    Primeiro de tudo: qts anos vc tem e pq resolveu fazer a FIV ?

    Eu tenho 33 e tô doida já achando que terei que fazer tb ...
    Tenho planos de começar a tentar engravidar no meio desse ano e já estarei com 34, vou começar a agendar todos os exames pra mim e meu digníssimo agora em janeiro mas tô com um mega frio na barriga ...

    Depois vou te perguntando mais cositas, ok ? #amala !!!!

    Que tudo de melhor te aconteça, que o Davi cresça com toda a saúde do mundo aí nessa barriguinha e que ele seja uma benção com muita luz pra vida do casal !!!

    Bjsssss

    ResponderExcluir
  5. Patricia, todas as suas perguntas ela fala em postagens anteriores sobre o assunto, de uma lida. E a idade ela falou nos videos, mas nao tem nem 30!

    ResponderExcluir
  6. Oi Lorena! Eu também sentia quando ovulava, sabia até o lado em que estava ovulando...esquecide falar isso, mas foram transferidos dois embriões, e o casal que decide, sendo que até 35 anos o limite são dois embrões. Um dos embriões não evoluiram, o que é normal acontecer. O valor da FIV varia entre 10-20 mil dependendo da clínica. Tenho uma conhecida que pagou 25mil, então depende mesmo. Vou mostrar as coisinhas que o Davi ganho sim! Bjs, Van ;)

    ResponderExcluir
  7. Oi Patricia! Acho bom que a gente esqueça as coisas ruins mesmo...kkkkkk. A verdade é que o ser humano não tem memória para dor, já imaginou se cada vez que lembrássemos de uma dor, a sentíssemos de novo? Seria uma loucura! E grávida não tem uma memória muito boa, vc verá!
    Na verdade, eu não resolvi fazer a FIV, foi uma indicação médica após quase três anos de tentativa sem sucesso, eu fiz a FIV com 28 anos.
    Não pense que precisará de tratamento e tal...ainda mais que vc nem começou a tentar...curta essa fase e aproveite! A maioria das mulheres engravida naturalmente em até um ano de tentativas, então não há porque se preocupar agora. Mas o ideal mesmo é conversar com o seu ginecologista, pois dependendo da idade o procedimento é diferente e isso varia de médico para médico.

    Muito obrigada! Com certeza Davi é e será uma benção em nossas vidas!

    Bjs,
    Van ;)

    ResponderExcluir
  8. Oi Vanesssa, que bacana sua história. Hj comecei meu ciclo. Com medo, mas com coragem..rs Minha vida de tentante já são quase 4 anos. Com uma inseminação em 2010 e uma gravidez e pedir com 8 semanas em 2012. A sensação da gravidez foi muito louca... Parecia que Deus estava dizendo : Tá vendo.!! vc pode engravidar. Graça ao apoio da minha família meu marido e minha querida médica a curetagem ocorreu de modo tranquilo. Claro que não gostaria de estar passado por aquilo, mas acredito que na é por acaso. Bom, estou aqui para desabafar..rs Começo meu ciclo hjjj... Obrigada por aproveitaar aqui o seu blog.. bjos Me conte mais sobre a sua..rs bjos até amanha...

    ResponderExcluir
  9. Que lindo sua historia td me emociona,pois pareçe que estou vivendo ja que realmente irei tentar uma inseminaçao in vitro ainda esse ano.Estou muito ansiosa para chegar esse dia.Parabens seu Davi e muito lindo,saude,paz p vcs.

    ResponderExcluir
  10. Oie! Muito obrigada! Que Deus te abençõe em todo o procedimento e realize os desejos do seu coração! Bjs, Van

    ResponderExcluir
  11. Adorei sua historia, com todos os medos, inseguranca de qq pessoa, bacana e fundamental o maridao dando apoio. Parabens e mta alegria.

    ResponderExcluir
  12. Oie! Que bom que gostou! Obrigada, bjs, Van

    ResponderExcluir
  13. Oi Maria! Não sei o que aconteceu que só vi o seu comentário agora! Me desculpe! Espero que tudo tenha corrido bem! Deus te abençõe muito! Bjs, Van

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Acompanhe via email

Digite seu endereço de email:

Testei por Você © Copyright 2013. Desenvolvido por Elaine Gaspareto